2005/08/30

Na Tua ausência…

Na tua ausência...
Esqueci o mar…

As frescas ondas
Mussitaram palavras
Que não ouvi.

Os búzios preocupados
Lembravam-me...
Todos os dias
...que o sol... era doce
...mesmo longe de ti.

Eu não os entendia...
E pela praia corria
Tentando perceber
O que não entendi.

Na tua ausência...
Esqueci as alfazemas...

As serenas flores
Transpiraram perfumes
Que não senti.

A lua angustiada
Lembrava-me...
Todos os dias
...que a estrela... brilhava
...mesmo longe de ti.

Eu não a entendia...
E pela noite corria
Tentando ver
O que não vi.

Na tua ausência...
Esqueci a música...

Em bandos os pássaros
Trinaram harmonias
Que não vivi.

As nuvens atormentadas
Lembravam-me...
Todos os dias
...que a vida era... bela
...mesmo longe de ti.

Eu não as olhava...
E na madrugada abalava
Tentando encontrar
O que perdi.

Na tua ausência...
Sonhei...
..............
E toquei
...teu rosto
saborando
...teu beijo
como se estivera...
...junto a ti.

létinha agosto de 2005

34 Comments:

Blogger Isabel-F. said...

Oi Letinha...

Bom te ver de volta... e espero que essa saúde vá melhorando...

gostei do poema... bem bonito


Bj

terça-feira, 30 agosto, 2005  
Blogger Anna^ said...

Bem vinda :))

Faço votos para que essa saúde vá melhorando,de dia para dia :)

O poema é muito bonito...dá-me conta que mesmo ausentes....mesmo sentindo a falta....a vida continua...sentindo...!

bjokas ":o)

terça-feira, 30 agosto, 2005  
Blogger romero said...

Bienvenida :)
Tu poema es precioso :)
Los que prefieren la sensatez y huyen de la locura son incapaces de sentir el amor.

Besitos

terça-feira, 30 agosto, 2005  
Blogger requiescatinpacem said...

Está bem eu já não estou ausente e dai???

terça-feira, 30 agosto, 2005  
Blogger kathy said...

o teu blog está demais...
obrigada por visitares o meu blog...

terça-feira, 30 agosto, 2005  
Blogger sotavento said...

Denoto melancolia...

terça-feira, 30 agosto, 2005  
Blogger Um Olhar Sobre... said...

Quanta saudade Létinha, sê bem vinda. Espero que essa saúde esteja óptima e que as férias tenham servido para tratares bem dela e para teres descansado bastante.
Este poema é lindo!
Beijos, muitos

terça-feira, 30 agosto, 2005  
Blogger Nilson Barcelli said...

Apesar de tudo voltaste em força, isto é, com alma de poeta renovada.
Beijinhos

terça-feira, 30 agosto, 2005  
Blogger isa xana said...

voltaste firme e forte, sim senhora :)


*

terça-feira, 30 agosto, 2005  
Blogger paper life said...

:) Foi bom voltar a ler-te, Létinha.

Bjs. :)

terça-feira, 30 agosto, 2005  
Blogger JPD said...

Gostei muito
Bjs

terça-feira, 30 agosto, 2005  
Blogger amita said...

Olá Létinha, que bom ver-te de regresso, com um poema lindo e cheia de força. Bjokinhas grandes e obrigado amiguinha

terça-feira, 30 agosto, 2005  
Anonymous Anónimo said...

O desejo de querer entender e aceitar a ausência. Bonito poema :)

Bjos .)

quarta-feira, 31 agosto, 2005  
Anonymous batista filho said...

Na "nossa" ausência quantos versos não terão brotado do teu coração?! Bem, agora estás juntinho a nós... hora de partilhar, não é mesmo?... e de pronto já nos ofereces esse belo poema: que bom, amiga! Um abraço.

quarta-feira, 31 agosto, 2005  
Blogger wind said...

Lindo:) beijos

quarta-feira, 31 agosto, 2005  
Blogger Julio said...

Olá létinha, queria primeiramente agradecer a visita ao meu humilde cantinho que me deixou tão surpreso pela tristeza da mensagem, acho que nunca vou esquecer da parte que fala:
"porém foi tão bom
estar junto dos meus deuses
que até o tratamento me pareceu mais leve."
Bom, enquanto a este poema parece que foi feito para mim, pois sinto pela ausência de meu amor que está longe. Por isso agradeço e lhe digo que gostei do seu blog e que voltarei mais vezes. Um grande abraço.

quarta-feira, 31 agosto, 2005  
Blogger Nina said...

Este poema está lindo apesar de melancólico.

Beijinho Grande e as melhoras :)

quarta-feira, 31 agosto, 2005  
Blogger Miguel Nobre said...

Simplesmente lindo

quarta-feira, 31 agosto, 2005  
Blogger Vespinha said...

Olá.

É bom ter-te de volta! :))

Beijinho da Vespinha

quarta-feira, 31 agosto, 2005  
Blogger Eli said...

Bigada! Depois venho ler isto como deve ser! :)

quarta-feira, 31 agosto, 2005  
Blogger pensamentos said...

Olá,
Passei só para agradecer a tua passagem lá no meu cantinho...

Voltarei com calma para conhecer esta tua casa...

beijo.

quarta-feira, 31 agosto, 2005  
Blogger Semiramis said...

Venho olhar-te o rosto
e agraciar-te o gesto
de me dares a beber,
com um sorriso claro,
água do teu coração
nas mãos brandas
de uma concha anil.

Perdoa não ser original e
recebe-o como se fora a flor com que te retribuo o sorriso.

:)*

quarta-feira, 31 agosto, 2005  
Blogger blogdabenedita said...

Nem sei o que hei-de escrever...
Obrigada por teres ido ao nosso blog.
O poema é lindissimo, depois tenho de cá voltar para ler com mais atenção o resto dos textos.
Mas, desde já os meus parabéns.

quarta-feira, 31 agosto, 2005  
Blogger Marta said...

obrigada pela visita ao meu cantinho.
bonitas palavras q retratam a saudade desse akguém especial...e msm s esse alguém a vida continua... :)
bjs***

quarta-feira, 31 agosto, 2005  
Anonymous Anónimo said...

Ora Viva !
Bem vinda de volta à blogosfera ;-)

Saúde!
Bejinho

quinta-feira, 01 setembro, 2005  
Blogger Lis57 said...

Queria agradecer a visita ao meu blog.
Lindo poema. Exprime o quanto sofremos com a ausência de quem amamos.

Bom fim de semana

quinta-feira, 01 setembro, 2005  
Blogger almaqueabsorveaslagrimas said...

Welcome back :D

*********

quinta-feira, 01 setembro, 2005  
Blogger Duarte Temtem said...

Passo também por aqui (ainda que tardiamente) para dar os parabéns pelo teu novo blog.
Prometo voltar :)
Bjs

quinta-feira, 01 setembro, 2005  
Anonymous Anónimo said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

quinta-feira, 01 setembro, 2005  
Anonymous Anónimo said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

quinta-feira, 01 setembro, 2005  
Anonymous Anónimo said...

Este comentário foi removido por um gestor do blogue.

quinta-feira, 01 setembro, 2005  
Blogger silviaflor said...

Gosto muito das tuas palavras...
Desejo-te muita saúde, pois sei bem o que é sentir a falta disso, não na minha pele, mas sim na de uma pessoa que me é muito chegada.

quinta-feira, 01 setembro, 2005  
Blogger Lumife said...

Ainda bem que regressaste pois é uma delícia ler as tuas palavras num desabrochar constante de sentimentos.

Bjs.

quinta-feira, 01 setembro, 2005  
Anonymous Anónimo said...

Keep up the good work furniture Brake rotors land rover discovery h1-b divorce Compare wireless service family plans Shoes and guachos att voip nipple t-shirt sunvisor car lcd

segunda-feira, 05 fevereiro, 2007  

Enviar um comentário

<< Home