2009/02/12

AMOR FEITICEIRO

Amor Sublime Intemporal!
Amar para sempre… para sempre!
Aquela música…
Aquele dia…
Aquele mês…
O sorriso…
A carícia…
...a despedida…
...a saudade…

Amor feiticeiro,
ludibriador de fiéis seguidores.
Existência efémera
de claro dia em cinza feito.

Amor sem soar.
Néctar dos deuses fugaz.
Lenço esquecido…
Pétala de um ramo envelhecido…
Haste de velhos óculos partida…
Fita de cabelos perdida…
Pedrinha de cor colhida…
Cofre de recordações…

Insignificantes elementos…
Pérolas de muitos momentos.
Infinitas miudezas…
Tesouro raro.

Muito dela…
Muito dele…
Amálgama de corações…

Amor vivido, sentido, amado, ensandecido…
Tormenta fria!
Pântano de velhos e amarelados nenúfares!

Recta de chegada
Precoce partida…

Destino…
Hora…
Ocasião...
Instante…
Jogo…
A encruzilhada que é a vida!

Aposta perdida…
Imperativo do vivido e do por viver!

Hoje…
Perdido no tempo,
Sem troca de aromas sentidos!

A verdade…
Essa…
... é que no ombro outrora tão doce,
...ele não descansaria mais.


La Salette Sá
Fevereiro de 2009

1 Comments:

Blogger Blueshell said...

Lindo e triste mas muito sentido...

( por isso é que eu me recuso a "sonhar")

BShell

sexta-feira, 13 fevereiro, 2009  

Enviar um comentário

<< Home