2005/09/27

Conta-me um Conto...

Conta-me um conto
Mamã…

Um conto mágico de encantar…
Com jardins suspensos
De coloridas e aromáticas flores.
Reis e rainhas
Morrendo de amores.
Cavaleiros andantes
Combatendo por suas belas damas.
Príncípes lutando
Com suas poderosas espadas.
Claustros
Onde princesas sentadas
Vêem seus filhinhos brincar.

Conta-me um conto
Mamã…

Um conto mágico de encantar…
Com castelos medievais.
Lagos de peixes doirados e corais.
Fontes frescas e cristalinas.
Magos
E fadas madrinhas.

Conta-me um conto
Mamã…

Um conto mágico de encantar…
Sem
Vilões,
Monstros
Ou dragões.

Apenas um conto simples e feiticeiro
Para
Com ele sonhar
Todos os dias
Na hora
Do sonho chegar.

létinha

75 Comments:

Anonymous Anónimo said...

Hey, this blog is awesome. I've got a work from home site. Its awesome. Check it out.

work from home site. Its the way forward: work from home .

Adrian: PRESS RELEASE: ABOUT THE BEST WORK FROM HOME PROSPECT AND WHY Press Release From Google News about the site link above

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Anonymous Mily said...

Que doçura de poesia! Um terno lamento! Que poder tem as mães de nos fazer aquietar o coração, quando esse se enche de medo... medo da vida, medo do mundo! É assim que nos sentimos, com vontade de colocar a cabeça no seu colo e pedir, como pediste... conta-me um conto, mamãe... conta-me uma história... onde não haja nada de ruim para nos assustar... Amiga, que felicidade tiveste nesses versos tão cheios de doce poesia! Beijos e afagos, recheados de carinho, e votos de uma semana de muita luz, alegria e realizações.

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger Um Olhar Sobre... said...

Conta-me um conto Létinha, para eu poder embalar em mais um dia :)

Lindo!

Beijo grande

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger maresia_mar said...

Que saudades de ser ciança, dos contos que a minha mãe me lia antes de adormecer.. Lindo o teu texto.. Boa semana e bjs

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger Silvino Évora said...

Oi amiga:
Gostei muito das tuas palavras. Fico feliz por teres visitado o meu blogue.
Olha, também gostei muito desse "Conta-me um conto" . É muito criativo.
Continue com força. Beijinhos

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger Isabel-F. said...

Cada dia que passa... mais gosto de te ler...

adorei...

Bjs

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger wind said...

Que lindinho e ternurento:) beijos

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger adesenhar said...

conta-me um conto também
para ter vontade de trabalhar :)

" Um conto mágico de encantar…
Sem
Vilões,
Monstros
Ou dragões."

b dia létinha :)

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger reverse said...

Era a minha avó q me contava as histórias (para eu comer a sopa toda), e lembro-me ainda de lhe pedir q me contasse esta ou aquela, desta ou daquela maneira (pq ela por vezes alterava os finais).
Hoje tenho de ser eu a invemntar as minhas histórias. Coisas da idade... :-))

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger reverse said...

As 4,41 ainda com toda essa inspiração!!!

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger Maria said...

Sonhos sonhados,

Obrigada pelo teu comentário! Não tens nada que pedir desculpa! O espaço que dizes "ocupado" valeu muito a pena! Assim que tiver tempo vou tentar improvisar um texto com as palavras sugeridas! Tenho andado bastante ocupada de momento mas assim que puder vou fazê-lo concerteza. Adoro escrever. E desta maneira, é uma forma de interacção divertida! Beijinhos!!

5:53 AM

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Anonymous Anónimo said...

Bem, não leves a mal isto que te vou dizer, mas ...
... sem vilões e monstros ainda se compreende, agora sem dragões.
SEM DRAGÕES como pode viver uma criança sem pensar num bonito dragão a voar no céu, vestido de azul (desculpa já me estava a furgir para outro lado) ...
'Tou a brincar, quem me dera é que quando era pequeno alguêm me contasse histórias para adormecer.
Mas isso é outra história.

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger Vagabundo said...

Como é termos quenos conte contos destes... tá lindo.

Bj Vagabundo

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger terragel said...

Bela a tua poesia. Mas viver sem pelavras? Aí já é demais. Gostei de teu blog por isso vou deixar meus passos para que me sigas.
Bjs

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger Nelsinho said...

Não há recordações de infância,
Se as recordações não passam
Pelas historinhas para adormecer
Que a mamãe sempre contava...

É bom de mais te ter de volta, Letinha!

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger Caracolinha said...

Que bonito ... tão bom que é poder sonhar de olhos abertos ... beijinhos encaracolados ~:o)

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger Natalie Afonseca said...

Olá!!!
Hoje decidi passar por aqui...e adorei!!
Volatrei com mais calma, de certeza!!
Bjs

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger peciscas said...

Apenas: bonito e ternurento!

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger cate said...

Que bonito!

Gostei muito, muito!

Nem sei se compreendo completamente o porquê...
Acho que a nossa parte "criança" (que vive em todos, mesmo nos que a querem abafar!) reage a estes estímulos que nos fazem querer "levantar vôo" e que os nossos pesados pés de "gente grande" nos fazem ficar presos ao chão...

Hoje vamos voar e sonhar!:)

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger AS said...

Querida Letinha,
Todos temos uma criança que desperta em nós quando nos sentimos tristes... Por vezes esquecemos que ela existe...

Um beijo

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger BlueShell said...

Um conto assim seria maravilhoso de ouvor. Também te reencontrei. Que bom. Beijo , BShell

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger Cristina said...

muuuuinto bonito:)))
beijinho

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger vero said...

Deixei um pequeno "mimo" no meu blog a todos os k foram uns queridos comigo...
Obrigada pelas palavras carinhosas k deixaste Létinha...
:)***

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger Pecaaas said...

Um conto mágico! Já ouvi, já contei!Sempre a sonhar!
1 bj
pedro

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger in_finito said...

Saudades do tempo em que me contavam histórias antes de dormir... :)

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Anonymous lique said...

Já lá vai o tempo de contar histórias às minhas filhas! Era sempre uma delícia. Beijinhos

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger Julio said...

Ótimo.... muito bom mesmo... Gostei... Eu e minha noivinha estamos muito bem... Ainda mais que se aproxima o grande dia da nosso tão esperado casamento... estou muito feliz.... e você... nossa madrinha, como vai??? Te deixo um grande abraço e desejo tudo de bom....

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Anonymous Espectro #999 said...

     ω     Sente-se o agradável aroma da magia     ω     neste poema saído do mais infímo local do teu corpo.     ω     A continuar assim teremos aqui um caso a seguir com toda a atenção.     ω

     Ω  Beijocas e inté  Ω

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger Nina said...

Tão bom adormecer com um conto...tenho saudades desse tempo :)

Beijinhoo

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger Vespinha said...

Olá!
Adorava as histórias do Avôzinho...

Bj da Vespinha de volta

terça-feira, 27 setembro, 2005  
Blogger Cristina said...

Querida Letinha,
Que lindo conto! Como tenho saudades de ser criânça
:)
beijinhuu

quarta-feira, 28 setembro, 2005  
Blogger Luís Monteiro da Cunha said...

Olá Letinha.

Um pedido singelo.

Haja quem possa ainda contar o conto e embelezar o nosso imaginário.

Conta-me um conto...

bjinho

quarta-feira, 28 setembro, 2005  
Blogger Adryka said...

Létinha tu és uma menina muito querida, tens muita sensibilidade na escrita, gosto muito de tudo que escreves és um amor. Beijinhos

quarta-feira, 28 setembro, 2005  
Blogger Silvino Évora said...

Obrigada amiguinha. És muito querida. Fico muito feliz por conhecer alguém com tanta sensibilidade nas palavras como tu.
Jinhos
Silvino

quarta-feira, 28 setembro, 2005  
Blogger Winters said...

Hello,
Como eu gostava quando os meus pais ne contavam histórias para eu adormecer....
Recordações bonitas da minha infância!!!!

quarta-feira, 28 setembro, 2005  
Anonymous Anónimo said...

Um conto... Há quanto tempo não me contam um... seja real ou simples fábula!
Tenho saudades!!!!! :)

quarta-feira, 28 setembro, 2005  
Blogger Claudia Perotti said...

Poema delicioso de ler.
Beijos, querida!

quarta-feira, 28 setembro, 2005  
Blogger TMara said...

tantas vezes k me aptece k me contem histórias infantis, contos, principalmente na hora de dormir. pousar d eleve a caeça na almofada,ouvir a voz, seguir o seu embalar e adormecer pura criança. Bjs e ,)

quarta-feira, 28 setembro, 2005  
Blogger Micas said...

Que poema delicioso, grata por me recordares memórias ternas de infância. Beijinho grande

quarta-feira, 28 setembro, 2005  
Blogger mfc said...

Fez-me lembrar os meus tempos de meninice em que adormecia ao som de uma s histórias de encantar.... e depois sonhava!
Oh como era bom...

quarta-feira, 28 setembro, 2005  
Blogger Rita said...

como está lindo este poema... eu gosto de sonhar, e de viver permanentemente num conto de fadas... :D *

quarta-feira, 28 setembro, 2005  
Blogger Paula Raposo said...

Uma história de encantar...beijos

quarta-feira, 28 setembro, 2005  
Blogger paper life said...

aindaeu gostava qe n«me contassem um conto desses. :)

Beijinhos, Letinha

quarta-feira, 28 setembro, 2005  
Blogger paper life said...

ainda eu gostava que me contassem um conto desses :)

Beijinhos, Letinha

quarta-feira, 28 setembro, 2005  
Blogger romero said...

Me cuenta eso de nuevo ?:) que precioso .

Besitos

quarta-feira, 28 setembro, 2005  
Anonymous Cris said...

Que coisa deliciosa, adormecer à
luz
de um história.
Que encanto, ler-te!
Beijo doce, doce, Létinha.

quarta-feira, 28 setembro, 2005  
Anonymous batista filho said...

Contar, recontar, e contar outra vez, e outra mais... quando são miúdos é assim que procedem, como também um dia procedemos. Depois, crescem, vão atrás das suas próprias histórias... enquanto as nossas, por vezes, como aquele livro doido pra ser lido, pendurado na estante... Até que um dia, crescidos e por vezes cansados das histórias protagonizadas - lembram daquelas que lhes embalavam as noites e os dias -, há muitos verões... e correm pra casa, corações descompassados, olhos ávidos em direção à estante... e o livro ali está, meio descolorado pelo tempo, tingido pelo pó, mas conservando a sua magia intacta!... a nos transformar outra vez mais ouvidos e imaginação que qualquer outra coisa!!!
Belíssimo poema, Létinha. Um beijo.

quinta-feira, 29 setembro, 2005  
Blogger Nilson Barcelli said...

Como era bom quando éramos crianças e ainda tínhamos mãe para nos contar e recontar as histórias...
Beijinhos

quinta-feira, 29 setembro, 2005  
Blogger Daniel Aladiah said...

Querida Letinha
Não sou mamã, eheheh, mas lá vou contando umas histórias...
Um beijo
Daniel

quinta-feira, 29 setembro, 2005  
Blogger margusta said...

Neste momento precisava de colinho....e que me contassem um conto assim....cheio de magia e encanto.
Beijinhos.

quinta-feira, 29 setembro, 2005  
Anonymous Anónimo said...

Vou...
*Sempre...[In]sónia até que seja breve ou até que a vida queira!
Beijinho grande
www.lbutterfly.blogs.sapo.pt

quinta-feira, 29 setembro, 2005  
Blogger kathy said...

lindo....

quinta-feira, 29 setembro, 2005  
Blogger Cakau said...

Eis um texto que me enterneceu :)*

quinta-feira, 29 setembro, 2005  
Anonymous Myself said...

Conta-me também!!!
;o)

quinta-feira, 29 setembro, 2005  
Anonymous mar said...

Que belo retorno aos tempos de criança.. :)
Bjs

quinta-feira, 29 setembro, 2005  
Blogger dulce said...

Também eu gostaria ainda de ouvir contar uma história... Tu conta-las muito bem.
Já consegui dar a volta ao meu blog. Obrigada pelas palavras de apoio q me deixaste. Perdi no entanto, todos os comentários antigos, mas estão no meu coração. Já. já vou começar a responder ao desafio das 3 palavras.
Bjs.

quinta-feira, 29 setembro, 2005  
Blogger Carmem L Vilanova said...

Já publiquei minha versao para o teu jogo de palavras... de título Vidas Diferentes... espero que gostes e que passe uma boa mensagem, ou ao menos a que eu gostaria de transmitir a todos... :) Muitos beijos e flores para ti, minha linda!

quinta-feira, 29 setembro, 2005  
Blogger reverse said...

Já respondi ao teu desafio. "Palavras contadas ou a resposta a um desafio".
Quando quiseres espreitar...
Bjs.

quinta-feira, 29 setembro, 2005  
Blogger Lumife said...

Como deves saber estive ausente mas hoje regressei às "lides".
Vou saber melhor como participar e direi depois.
Beijos

sexta-feira, 30 setembro, 2005  
Blogger saisminerais said...

OLA LETINHA, OBRIGADO PELA VISTA DE OLHOS QUE DEITAS-TE NO MEU BLOG.
JÁ AGORA AVISO QUE JA TEM CONTINUAÇÃO
JINHOS

PS.ESTE CONTO TEU ESTÁ LINDO, DESCULPA NÃO PARTICIPAR NO TEU JOGO, MAS EXISTEM FORTES RAZÕES PARA O NÃO FAZER!!!!
NÃO É POR ACHAR MAU!
ATÉ GOSTAVA MAS NESTE MOMENTO NÃO TENHO CABEÇA PARA PENSAR... OBRIGADO

sexta-feira, 30 setembro, 2005  
Blogger Luís Monteiro da Cunha said...

Beijão

Nesta sexta feira, linda.

sexta-feira, 30 setembro, 2005  
Anonymous Anónimo said...

Olá

Venho em primeiro lugar agradecer a visita ao meu blog e as palavras la deixadas. Em segundo dizer q gostei mt do que escreves aqui no teu blog e mt em particular deste ultimo poema. Foi mt bom lê-lo e deixar-me entrar como q num sonho onde td é perfeito....adorei mesmo
Vou voltar mais vezes com toda a certeza

Deixo um beijinho e votos de um optimo fim de semana

Tiago

Pedaços de Silêncio

sexta-feira, 30 setembro, 2005  
Blogger Luís Miguel said...

Retribuo a visita.
Muito interessante o teu blog e a tua escrita.
Este teu "Conta-me um conto" é muito ternurento.
.
.
Beijinho, e bom fim de semana..

sexta-feira, 30 setembro, 2005  
Blogger JPD said...

A tradiç~~ao oral é dos valores mais importantes da nossa cultura. A imagem está a ocupar algum espaço, mas aquela não se perderá...pelo menos enquanto houver avós!
Bjs

sexta-feira, 30 setembro, 2005  
Blogger Astronauta said...

Depois do que li apenas peço...
Conta-me um conto!

O conto é a estrada do fantástico, espero que esta nunca seja cortada, porque é uma das primeiras alegrias de uma criança, uma história, um sorriso!

Obrigado pela tua visita, também voltarei!

sábado, 01 outubro, 2005  
Anonymous Anónimo said...

=) *

sábado, 01 outubro, 2005  
Blogger salseira said...

a minha mae nunca me contou historias :(

sábado, 01 outubro, 2005  
Blogger dulce said...

Létinha, já respondi ao teu desafio. Se me quiseres dar o prazer da tua visita...
Bjos.

sábado, 01 outubro, 2005  
Anonymous Anónimo said...

Magnifico

domingo, 02 outubro, 2005  
Blogger 性爱 said...

I am totally nude come see me. Take a bit for all pics and movies to load.

Why do I do this I like to make men blow their jiz in their pants.

Visit me.激情

segunda-feira, 31 outubro, 2005  
Anonymous Anónimo said...

What a great site Home remidie skin care Fioricet online fedex Online video advertising market Minivan concept Clean dlish fragrance hair Connecting razr cell phone to computer Brizo venuto faucets Internet+marketing+tool Wipe out credit card debt Advertising on the internet ontario Georgia farm bureau life insurance town of warwick tax assessor new york

sábado, 03 fevereiro, 2007  
Anonymous Anónimo said...

best regards, nice info » »

quarta-feira, 21 fevereiro, 2007  
Anonymous Anónimo said...

Wonderful and informative web site. I used information from that site its great. » » »

sábado, 03 março, 2007  
Anonymous Anónimo said...

Enjoyed a lot! here

sexta-feira, 16 março, 2007  
Anonymous Anónimo said...

Que coisa + ridicula essa em?
Aff vai procurar oq fazer kraí....

quinta-feira, 08 novembro, 2007  

Enviar um comentário

<< Home